Guia Completo: O Que é Dropshipping e Aprenda a Ganhar Dinheiro com uma Loja Virtual SEM Precisar Investir em Estoque [SAIBA TUDO AQUI]

negocioem21diasbanner

Acredite, muita gente ainda não conhece o modelo de dropshipping, nem sabe o que é dropshipping ou pensa que vender um produto que não está no seu estoque é crime.

Essa crença já ficou no passado! Globalmente!

Ok, ainda tem gente que pensa que dropshipping não é legal.

Você vai ver aqui que evoluímos e o dropshipping no Brasil está crescendo cada vez mais.

O que é Dropshipping?

O que Você vai Encontrar Nessa Página?

O que é Dropshipping

Não é tão complicado, não se preocupe!

Infelizmente não é algo que você não precise trabalhar ou estudar.

Desculpe!

O fato é que o dropshipping é uma das maneiras atuais mais recomendadas para quem deseja abrir um e-commerce ou loja virtual e com baixíssimo investimento.

Usando o dropshipping, você pode vender produtos através de uma loja virtual ou e-commerce, sem precisar manter produtos em estoque.

Imagine que você tem um e-commerce e no seu site estão os itens oferecidos pelos seus fornecedores.

Neste momento todo o estoque está lá, com o seu fornecedor!

Um cliente, então, vai até a sua loja online, faz uma compra e paga pelo produto.

É agora a hora de você pedir que o fornecedor prepare o produto e entregue ao cliente.

Para isso você deve efetuar a compra do item que seu cliente deseja no site do fornecedor e dar a ele os dados de entrega do seu cliente.

No final, simplesmente estamos vendendo produtos que são desmobilizados pelo fornecedor.

Modelo de Dropshipping

Esta é a grande diferença entre o dropshipping e o modelo tradicional de entrega.

No modelo tradicional de venda, você teria o estoque, deveria embalar o produto, emitir a nota fiscal, contratar o transporte e enviar para o cliente.

No dropshipping, você compra os produtos de terceiros, conforme necessário, ou seja, somente se você fizer uma venda online, e envia ao seu cliente.

Muito melhor do que ter um monte de itens em estoque, adquiridos por você, sem a certeza de que seu cliente comprará, não é?

Uma outra maneira conhecida no Brasil de fazer esse mesmo processo é o método EDC, ou seja, Serviço de Entrega Direta ao Cliente.

Neste método ocorre exatamente o mesmo que é feito no dropshipping.

O produto é entregue diretamente pelo fornecedor ao cliente.

Exemplificando, você compra um produto na minha loja e o meu fornecedor faz o envio direto para a sua casa.

Assim que você confirma a compra no meu site e paga, eu devo avisar o fornecedor, pagar pelo produto e informar os dados de entrega. O fornecedor prepara o produto, embala, emite as notas fiscais e despacha para você.

Portanto, uma das partes mais importantes do processo é a interface e comunicação, pois estamos trabalhando com um estoque que não temos gestão direta.

Para complementar, a tradução de Dropship é mover mercadorias do fabricante ou fornecedor diretamente ao cliente, sem passar por outros canais de vendas, como distribuidores.

negocioem21diasbanner

O Método de Dropshipping é Legal? Esse Tipo de Negócio Pode ser Legalizado?

Definitivamente, a resposta é sim!!

Sabia que você e eu nos deparamos todos os dias com dropshipping por aí?

Isso porque o dropshipping no Brasil também é usado em grandes lojas virtuais e, principalmente, pelos grandes marketplaces.

Na verdade, podemos dizer que dropship é uma maneira de intermediar negócios entre fabricantes ou revendedores e os clientes e, portanto, é legal.

O motivo de muita gente desconfiar e achar que o dropshipping é ilegal é a falta de uma regulamentação clara pelo governo para os negócios digitais e virtuais.

E aqui não estamos falando apenas de dropshipping, ok?

Existem, entretanto, maneiras legais de abrir uma loja virtual, usando dropshipping, sem correr riscos fiscais.

Saiba mais aqui.

Outra coisa importante que você precisa saber é que dentro da modalidade de dropshipping, você pode decidir trabalhar com dropshipping nacional ou dropshipping internacional.

O Dropshipping Nacional – Como Funciona

A metodologia de drop shipping funciona da mesma forma, a grande diferença entre o dropshipping nacional e o internacional é de onde sai a mercadoria para o seu cliente.

Trocando em miúdos.

Quando você abre sua loja virtual, é você quem escolhe os seus fornecedores.

Isto quer dizer que, se você quiser, você pode trabalhar com fornecedores do Brasil ou fornecedores de outras partes do mundo.

Caso escolha somente trabalhar com fornecedores do Brasil estará optando por fazer o dropshipping nacional.

Sabemos que o droppshing no Brasil ainda não evoluiu como em outros países, por isso pode haver alguns problemas com a qualidade dos serviços.

Infelizmente, ou felizmente, tudo depende do ponto de vista, precisamos evoluir bastante.

Como ainda são poucos os fornecedores de qualidade no Brasil, principalmente quando comparamos aos mercados da China e dos EUA, existe um potencial grande aqui.

A boa notícia é que o mercado está evoluindo muito rápido.

A má notícia é que alguns diretórios e fornecedores de dropshipping brasileiros ainda cobram muito caro para deixarem que você venda seus produtos.

Para isso, vale a pesquisa de campo e fazer contato com os fabricantes.

Você vai saber como fazer isso nesse post.

Sempre há uma saída!

O Dropshipping Internacional – Como Funciona

Como falamos, a metodologia é a mesma, porém há uma grande diferença em trabalhar com o dropshipping internacional.

A quantidade de fornecedores é IMENSA!! Colossal!

Nesse mar de oportunidades também é necessário ter atenção, já que nem tudo são flores, não é?

Quando escolher fornecedores internacionais, o olhar deve estar atento aos indicadores desses fornecedores para você não ter problemas com suas entregas e com as avaliações da sua loja.

O mundo mudou e o dropshipping já é a realidade para muita gente que trabalha pela internet em casa ou pelo mundo afora!

negocioem21diasbanner

O Que É Dropshipper?

Dropshipper é a figura invisível em um processo de venda através de dropshipping, ou seja, é o fornecedor, que apesar de processar a entrega direta do produto, não aparece para o cliente.

Quando um cliente recebe a mercadoria, a maioria dos fornecedores não colocam os dados de identificação deles nas embalagens e, portanto, o dropshipper não poderá ser identificado.

Os únicos dados que aparecem no produto são o endereço e, em alguns casos, o telefone.

O elo de contato com o cliente é você!

Conheça aqui um truque para descobrir um fornecedor de dropshipping do seu concorrente.

Como Surgiu o Dropshipping?

Apesar de não haver muita literatura disponível, sabe-se que o conceito de drop shipping é mais velho do que andar para frente.

Ah, o nome “Drop Shipping” é até novinho.

Tudo começou com o nascimento das empresas de catálogo, conhecidas como mail order companies, mais fortemente nos EUA na década de 50, principalmente com a Sears.

História do Dropshipping

O próximo passo veio com a evolução da produção Just In Time.

Os varejistas e revendedores começavam um novo modelo de negócio, aceitando pedidos antecipados de seus clientes, recebendo o pagamento e, só daí, colocando os pedidos nas fábricas para produção.

Com a evolução da internet e do e-commerce foi que começamos a ver o dropshipping como ele é hoje.

Seu objetivo principal era trazer redução de custos, variedade e agilidade nos processos de quem iniciava um e-commerce.

Com novas tecnologias crescendo e o mercado digital disparando, grandes empreendedores viram a oportunidade de crescerem e ampliarem seus negócios quebrando as barreiras logísticas através do dropshipping.

Porque Fazer Dropshipping?

Se você está estudando qual o melhor jeito de abrir o seu e-commerce, é importante que você saiba se o modelo de dropshipping é adequado para você.

Para isso, avalie alguns pontos e reflita se estão de acordo com os planos para o seu negócio.

Quais São os Benefícios do Dropshipping?

Baixo investimento

Você já deve ter percebido que abrir uma loja virtual, investindo em estoque, pode ser bem caro. A vantagem do dropshipping é que você não precisa gastar com estoque, o que reduz drasticamente o seu investimento.

Sua agenda, sua escolha

Parece uma bobagem, mas ter a opção de gerenciar o seu tempo é uma vantagem que você pode ter com esse modelo de negócio.

Você não precisa se preocupar em onde vai guardar os seus produtos

Independentemente do que você quer vender, o espaço de armazenamento é preocupação do fornecedor. Você não precisará pensar nisso quando quiser iniciar.

Nenhum estoque para armazenar ou cuidar

Em momento algum você precisará se preocupar com espaço, ou até mesmo com o estoque.

Início simples para qualquer loja virtual

Você pode iniciar a qualquer momento.

Não precisa se preocupar com embalagem, contratação de frete

Pode não parecer agora, mas embalar o produto, contratar o frete ou ter que deslocar até a transportadora pode trazer transtornos. Com isso você não precisará se preocupar.

As notas fiscais para o cliente são emitidas pelo fornecedor

Sim, você vai precisar emitir as suas notas e regularizar o seu negócio. Ainda assim, o fornecedor ficará com a parte mais difícil do processo, emitindo as notas para os clientes.

Sem funcionários… enquanto você decidir

Enquanto você não cresce ou expande, você não precisa de funcionários. Dá sim para fazer tudo apenas com o seu computador.

Pode trabalhar de qualquer local

Você pode pegar um laptop e trabalhar de qualquer lugar. Literalmente!

Sem limite para a escolha de produtos

Já que você não precisa ter estoque, você pode escolher quantos produtos quiser.

Facilidade para escalar seus negócios e crescer rapidamente

Acertar em um produto que tem escala nem sempre é fácil, mas se achar o nicho certo não terá limites para crescer.

Testar produtos que seus clientes possam gostar sem ter que comprar produtos

Não encontrou aquele produto que brilha os olhos do seu cliente? Teste!

O dropshipping te dá essa liberdade.

negocioem21diasbanner

Quais São os Riscos do Dropshipping?

Fornecedor não ter o estoque informado

Este não deixa de ser um risco, mas você pode reduzir a probabilidade de acontecer fazendo a avaliação criteriosa do fornecedor quando for escolher.

Concorrência intensa

A concorrência é grande sim e você precisará de criatividade para sair dela. Escolha nichos ou públicos onde você possa se destacar.

Preço como fator de decisão do consumidor, com risco de margens baixas

Como o preço é um fator importante para o seu cliente e os fornecedores nem sempre dão abertura para negociação, você pode ter margens mais baixas dependendo do produto que escolher. Alguns nichos são riscos e podem trazem margens de lucros muito altas.

Atrasos do fornecedor ou do parceiro de entrega

Se o fornecedor atrasar a entrega do produto é você o responsável.

Reclamações de clientes, sem ter ações diretas nas soluções

Imagine que houve um atraso. Se você não tem ação direta no processo ou nos produtos, fica difícil dar uma solução rápida para o cliente.

Riscos tributários

Sabemos que a complexidade dos impostos no Brasil é imensa e sem regras claras as dificuldades só aumentam.

Falta de atualização nos códigos de rastreios

Alguns fornecedores demoram para colocar os códigos de rastreios nos sites e, às vezes, você só terá o código depois que o produto já foi entregue.

Trabalhar com muitos fornecedores pode trazer custos mais altos de fretes

Se você optar por muitos fornecedores e eles cobrarem frete, você pode ter um problema, já que não deve cobrar mais de um frete do seu cliente.

Dificuldade de criar a identidade da sua marca

Se você pensa em ter uma marcar forte, com o dropshipping você pode sofrer um pouco, já que os produtos estarão nas mãos dos fornecedores. Não é impossível. Você precisará de muita negociação e bons parceiros como fornecedores.

Ter cuidado com o seu fluxo de caixa

A maioria dos sistemas de pagamento efetua a liberação do seu dinheiro depois de 14 ou 30 dias do recebimento do cliente. Se você paga o fornecedor com boleto pode ter um descasamento no seu fluxo de caixa.

Outro problema é em relação à abertura de disputas. Se um cliente não recebe o produto no prazo, ele pode solicitar reembolso e você pode ficar sem o pagamento, porem já teve o custo com o fornecedor. Mais um motivo para escolher bem os seus parceiros.

Fazer Dropshipping Ainda Vale a Pena? Esse Negócio é Rentável?

Apesar do cenário de concorrência e dos riscos, o dropshipping ainda é uma das mais valiosas e inovadoras ideias para empreender para quem quer abrir um negócio de e-commerce com baixíssimo investimento, retorno rápido e lucro certo !

Se olharmos as estatísticas, estamos numa posição privilegiada em relação ao resto do mundo, pois temos um potencial imenso de crescimento.

Nos EUA, uma pessoa gasta em média US$ 1.952, enquanto no Brasil gastamos em média US$ 123 por pessoa.

Estatística do gasto por pessoa no e-commerce

Certamente veremos esses números crescendo nos próximos anos e com eles, com certeza, o dropshipping se expandindo ainda mais.

Fazer dropshipping, portanto, é uma solução que você deve estudar sim.

Só não se engane que não haverá necessidade de esforço ou que as coisas acontecem sem precisar da sua interferência.

Longe disso.

Iniciar um e-commerce com dropshipping é trabalhoso, porém você pode colher muitos frutos se fizer uma boa pesquisa, com planejamento certo e entender quais são as principais necessidades do seu público.

negocioem21diasbanner

[Estudos de Caso] Entenda Como Funciona o Processo de Dropshipping na Prática

Você é dono de uma loja virtual que vende artigos de decoração para quartos de bebê.

Acabou de começar e já vende alguns produtos.

Está feliz por ter tirado o sonho do papel!

Alguns itens são produzidos por sua esposa, que tem paixão e transformou o seu artesanato em negócio.

Vocês complementam o portfólio do site com produtos de dropshippers, ou seja, fornecedores parceiros que entregam diretamente para seu cliente.

Ela faz bichinhos de crochê.

Para aproveitar as mamães que estão perto de ter o seu bebê, você resolveu abrir uma categoria somente com laços e tiaras, que sua esposa também faz e adora, além de ter a melhor margem de lucro dentre os seus produtos.

Um de seus fornecedores, vamos chama-lo de BabyA, é extremamente confiável nos prazos, tem um processo definido e uma equipe atenciosa que te atende sempre que você precisa, mas os produtos não são assim tão especiais e às vezes tem alguns pequenos defeitos.

Vendem Kits de berços e roupas de cama.

Alguns outros fornecedores são ainda pequenos, têm produtos encantadores, que seus clientes amam, costumam entregar no prazo, mas não emitem nota fiscal, estes são o BabyB.

Vendem luminárias e adesivos de parede

Um caso especial é o seu fornecedor BabyC.

O preço dele é imbatível, os produtos lindos e de altíssima qualidade.

São bem estruturados, tem um time que cuida da logística, fazem os trâmites fiscais corretamente, porém nunca respondem às suas mensagens.

Você não se preocupa muito porque nunca precisou falar com eles até hoje.

Funcionam feito reloginho.

Vendem quadrinhos, bichinhos de pelúcia, almofadas, tapetes, kits de higiene, trocadores e travesseiros especiais para bebês.

Em geral sua loja está funcionando bem e não recebeu nenhuma reclamação.

Estudo de Caso 1 – Quando um Produto Atrasa

Entrega atrasou

A Mariana está grávida de 8 meses e atrasou a finalização da decoração do quarto da filhinha que está quase chegando.

Cheia de ansiedade e expectativa, viu um trocador lindo no seu site!

Viu que o prazo de entrega era de 15 dias.

Sabe que receberia bem perto de receber a filha, mas acha que vale a pena.

A pequena dela merece!

Efetua a compra e faz o pagamento bem rápido para não ter que esperar nem um dia a mais.

Você, mais do que feliz, processa sua compra no site e manda o pedido para o BabyC.

Mariana te envia um e-mail explicando a situação e você fica aliviado por ser um produto do BabyC.

Depois de alguns dias você ainda não recebeu o código de rastreio do BabyC.

Decide mandar uma mensagem para o fornecedor e ver se está tudo certo.

Nessa hora o frio na barriga toma conta de você e você tenta encontrar algum canal de comunicação para tratar com a BabyC.

Sem sucesso, resolve esperar mais alguns dias, afinal o prazo de entrega ainda não venceu.

Dois dias antes do prazo de entrega recebe o código de rastreio do produto e vê que ele foi entregue.

Respira aliviado, mas começa a pensar em como reduzir o risco nestes casos.

Afinal… quem merece passar por tamanha angústia!

Estudo de Caso 2 – Dois Produtos, Dois Fornecedores

Tipos de Frete no Dropshipping

Um de seus itens de crochê está fazendo bastante sucesso e a Clara viu que uma amiga comprou e se apaixonou.

Quando entra na loja vê que você tem produtos lindos e fica enlouquecida.

Já estava mesmo na hora de dar uma renovada na decoração do quarto do seu bebê.

Com o ursinho de crochê, comprou também um kit de berço e um jogo de lençóis que combinavam com o ursinho.

O frete foi calculado pela plataforma, e ups!

Você percebe que cometeu um erro na hora de colocar o seu frete no cálculo.

Afinal a Clara receberá uma encomenda da BabyA e uma diretamente de você.

Infelizmente esse erro te custou mais do que o seu lucro na venda.

Mais do que rápido você vai corrigir os dados na plataforma de e-commerce e aproveita para dar uma olhada nos outros itens também.

Estas foram apenas pequenas ilustrações de coisas que podem acontecer.

Não se preocupe.

Fazer um planejamento e estudar as estratégias de dropshipping podem te livrar de problemas como esses.

Não deixe de estudar e ficar atento(a) às regras.

Aqui você pode encontrar muito mais informações sobre como se tornar um profissional de dropshipping sem cair em nenhuma armadilha.

Assim você terá tranquilidade para criar um negócio de sucesso usando o que há de melhor no dropshipping!

Boa Sorte e conte com a gente no caso de alguma dúvida!

Artigos Relacionados:

Abraços,

-Renan

Portal Carreira e Empreendedorismo

negocioem21diasbanner

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *